Header Ads

test

Prefeita Iraneide destacou importância do momento cívico e conclamou a todos a uma reflexão sobre a data

Prefeita Iraneide: “Este é um momento de reflexão que deve despertar em todos nós o espírito de cidadania, de patriotismo”

A Prefeitura de Areia Branca realizou a cerimônia oficial do 7 de setembro, em comemoração aos 196 anos de Independência do Brasil. O ato de cidadania teve início às 8h, com hasteamento das bandeiras nacional, estadual e municipal no pátio do Palacete Municipal. Os hinos do Município e Nacional foram executados pela Fanfarra Professor Lacerda, composta por alunos das escolas municipal Professora Geralda Cruz e estadual Cônego Ismar Fernandes de Queiroz.
A prefeita Iraneide Rebouças (PSD) formou o dispositivo ao lado dos convidados, presidente da Câmara Municipal de Areia Branca, Ruidenberg Ferreira Souto Filho, “Kinho de Beguinho” (PSD); Agente da Capitania dos Portos local, Capitão-tenente Pedro Guedes da Silva Filho; Comandante da 3ª Companhia da Polícia Militar no município, Capitão-PM Sávio Diomedes; ex-prefeitos, Dr. José Alfredo Rodrigues Rebouças e Ruidenberg Ferreira Souto, “Dr. Beguinho”; vereadores Alderí Batista de Souza (MDB) e Samuel Lemos (PSD); ex-vereadores Walter Sales e João Leonez; secretários, gerentes e colaboradores da Administração Municipal.
Hasteamento das bandeiras pela prefeita Iraneide, capitão-tenente Pedro Guedes e capitão-PM Diomedes
Participaram ainda, um pelotão da Marinha do Brasil/Capitania dos Portos e membros do Capítulo Areia Branca da Ordem Demolay. O público prestigiou o ato cívico, acomodado no largo da prefeitura e Praça da Conceição.
Representando o município e as autoridades presentes, a prefeita Iraneide Rebouças discursou e conclamou a todos a uma reflexão sobre a data cívica comemorada nesta sexta-feira, 7. “Este é um momento de reflexão que deve despertar em todos nós o espírito de cidadania, de patriotismo”, disse no início da sua fala aos presentes.
Segue, na íntegra, o discurso da prefeita Iraneide alusivo ao 7 de Setembro em Areia Branca. Leia:
“Nada há como o sonho para criar o futuro. E foi baseado num sonho que aconteceu a nossa independência, a independência do nosso Brasil.
É esse o sentimento de sonho que liga o cidadão a seu país e suas responsabilidades, como cidadão e brasileiro responsável pela construção do nosso futuro.
Trabalhar não basta, como amar não é o suficiente, se não houver respeito, dedicação e confiança.
Também não é apenas o orgulho que nos anima que fará deste um país melhor. É a soma de todos os nossos saberes, de todas as nossas esperanças, de todas as nossas ações, que fará com que o Brasil tenha enfim, o futuro que sonhamos.
Este é um momento de reflexão que deve despertar em todos nós o espírito de cidadania, de patriotismo.
Somos conscientes das nossas responsabilidades, o país, a nossa cidade, somos nós.
E devemos ter consciência das dificuldades que nossa sociedade enfrenta neste momento, e nós somos os atores para essa condução ao porto seguro.
Passamos por momentos de inseguranças, por dúvidas em qual caminho devemos trilhar, por uma crise econômica política como poucas já vividas em nossa história. Daí a responsabilidade sempre, em todas as decisões.
É um momento onde a família, a escola, a comunidade, todos nós, temos um papel importante de mostrar a sociedade que a Pátria tem que ser comemorada e vivida todos os dias.
São as nossas atitudes, nossas decisões pensadas e conscientes que trarão ordem e desenvolvimento para este chão tão querido por todos nós.
Somos um povo que sonha, que acredita, que tem fé, esperança e sabe que a luta é dirá, mas que vencê-la é possível e respeitarmos a lei para fazer justiça social e com isso alcançar a tão sonhada felicidade.
Não adianta uma Pátria forte se formos um povo infeliz. Por isso que afirmo e repito que a grande obra de um governante não é construir pontes e prédios e sim ajudar na construção do ser humano.
E a nossa Pátria é o Brasil. E a nossa Pátria é Areia Branca.
A semana que agora comemoramos é uma data para reverenciar o povo deste país, desta cidade que ajuda a construir diariamente a nossa história.
Celebrar a Semana da Pátria nos faz refletir sobre o nosso papel na sociedade, onde devemos atuar com transparência e seriedade.
Por isso conclamo a todos os areia-branquenses: vamos seguir engajados na luta que acreditamos, por uma cidade mãos humana, justa e progressista.
O Brasil que sonhamos para o nosso futuro depende de cada um de nós, o que nos faz acreditar que alcançaremos um futuro de união, força, compreensão, amor e desenvolvimento com justiça social.
Viva a liberdade”.
Confira na cobertura fotográfica de Evandson Bernardo, momentos do concorrido evento cívico desta manhã.
Cobertura: Click nas imagens para ampliar a resolução.