Header Ads

Terceira edição do Festival de Kitesurf agita Areia Branca no fim de semana



Foram dois dias de um espetáculo esportivo e cultural de encher os olhos na praia de Upanema em Areia Branca, com a realização do KiteFest 2019, a terceira edição anual realizada na cidade, com o apoio da Prefeitura Municipal. Dessa vez, o evento faz parte da programação alusiva ao Outubro Rosa, com suas cores e identificações na tonalidade, além de fazer parte do calendário de atividades relacionadas ao aniversário de 92 anos da emancipação política de Areia Branca, que culmina com o desfile cívico, na próxima terça-feira (22).          

Os mais de 80 competidores foram as águas da praia de Upanema para disputar em sete categorias diferentes (Down Wind, Regatas, Master, Veterano, Iniciante, Feminino e Big Air), com a premiação sendo distribuída entre os três primeiros de cada modalidade. Além das competições em mar, o público na praia pôde curtir uma programação musical que embalou a galera nos dois dias de evento. A banda areia-branquense Paranoicos agitou o público com o seu repertório variado de vários anos de estrada, enquanto os cearenses da banda de reggae Donaleda, com mais de 17 anos de estrada, tomou conta do palco montado na praia, divertindo os presentes com os seus maiores sucessos, compostos em grande maioria, de hits autorais. A banda figura entre uma das maiores da região Norte-Nordeste neste quesito.

Durante a competição que é a maior do esporte na região da Costa Branca, a cidade sentiu o diferencial turístico, nos visitantes e no comércio. “Tivemos inscritos e turistas de Galinhos, de Guamaré, Canoa Quebrada, Mossoró… toda a região. É maravilhoso”, disse Sabrina Lorena, empresária do setor hoteleiro de Areia Branca, que também participou da competição, na regata feminina. “Ninguém faz nada sozinho. A prefeitura, em conjunto com o setor turístico daqui, a gente faz acontecer. E é lindo”, finalizou ela.

Essa edição do KiteFest, apesar de manter a competição na água, tem uma proposta diferente dos outros anos, desta vez, vestindo a camisa da campanha do Outubro Rosa, que conscientiza acerca da prevenção do câncer de mama entre mulheres. No Brasil, a incidência dos casos de câncer de mama é de 62,9 a cada 100 mil mulheres, segundo dados de 2018 divulgados pelo Instituto Nacional do Câncer, o INCA. A primeira campanha de conscientização a prevenção nasceu no evento “Corrida pela Cura” em 1990 em Nova York, se estendendo para o resto do mundo nos anos subsequentes. No Brasil, o primeiro registro vem de 2002, quando o Obelisco Mausoléu ao Soldado Constitucionalista no Parque Ibirapuera em São Paulo recebeu a iluminação rosa. Em Areia Branca, além das ações da Secretaria de Saúde, o KiteFest está na mistura, tendo todas as suas identificações na cor rosa durante o evento.

“Ficamos muito felizes com esse momento, só alegria. O KiteFest já está consolidado no calendário anual do município, e todos estão muito felizes e encantados com o evento”, declarou a prefeita Iraneide Rebouças. O evento deve todo o suporte da prefeitura, principalmente das gerências de Turismo e Esporte, junto a recém-criada Associação Areia-branquense de Kitesurf. A prefeita também reforçou a importância comercial e turística do evento para a cidade. “Tivemos um público diversificado na praia nestes dois dias, e o comércio da cidade sentiu isso. Ambulantes, restaurantes, hoteis, enfim, todo mundo saiu ganhando — inclusive, a população, ao presenciar um evento tão lindo quanto esse”, finalizou a gestora.